O Livro mais Influente da minha História.
Desliga o LIXO do jornal nacional e assista...

Comments

Feed You can follow this conversation by subscribing to the comment feed for this post.

Todos amigos que me pedem ajuda, ouvem algo do tipo: eu ajudo, sim, conte comigo sempre, mas você é a única pessoa que pode lhe ajudar efetivamente. Não conte comigo para resolver o problema, mas para encontrar uma forma de resolvê-lo. Juntos encontraremos a melhor arma para vencer a batalha, mas quem deve ir à luta é você, não eu.

ia querer saber o problema eu ia rachar o crânio pra achar uma forma de resolver, mas tipo "dando a vara, e ensinando a usá-la pra pescar o peixe"

Acho que todos partimos do mesmo princípio para ajudar os outros. Sim todos ajudamos, mas apenas dizemos como deve ser feito, tomar a real decisão de fazer ou não, é uma atitude da pessoa que está com o aparente problema.
E é exatamente essa a resposta que eu dou para quem me pede ajuda...falam "Aléxis, o que eu faço agora?"...e eu respondo..."Existem muitas consequencias para cada atitude tomada...mas a atitude de agora, terá um reflexo no futuro. Eu posso lhe ajudar, tentando dizer o que pode acontecer, mas quem tem q escolher o caminho é você..."

eu sou muito novinha pra dar conselhos... :D
mas depende do problema, se é sobre relacionamento eu nunca dou conselhos... agora se é sobre como administrar a casa ou alguma coisa relativa ao trabalho no que eu puder eu aconselho a pessoa sempre ir na direção mais honesta! :)

Eu diria: Por favor, me diga o que voce está passando. Tome o tempo que quiser porque sou toda ouvidos. Enquanto a gente conversa, vamos dar uma volta? Assim a gente vai vendo a paisagem.
Abraços, Ana Claudia Vieira

Eu iria perguntar:

Vamos tomar algo? levaria ele em um lugar bem agradavel, e depois de escutar-lo
iria analisar e selecionar as melhores opções durante o vai e vem de perguntas.
algo como o famoso braimstorming...

Em casos complicados que exige muitos recursos e tempo usaria boas ferramentas de TGA com Mind-manage pra dar segurança a situaçao e gerenciar melhor ganhando vantades progresivas com tempo.

Agora, problemas se for sentimentais: amor, insegurança, "medo". daria uma de psicologo usando os valores que aprendi na vida e com a minha rainha piscologa e ainda receitaria ele pregar valores e frases de efeitos na cama,banheiro,carro,pc pra ajudar.

E ainda diria,
vamos jogar um squash comigo? correr? pedalar? escalar? ir no clube? pra dar mais saúde a ele.

Bem, acho q é o q faria de melhor dentro das minhas capacidades.

The comments to this entry are closed.